Poligrafias de Barthes

Autores

  • Rodrigo da Costa Araújo Universidade Federal Fluminense

DOI:

https://doi.org/10.26893/RMv.15n30/33-40

Palavras-chave:

Escritura, Linguagem, Literatura, Barthes

Resumo

Apresenta-se, nesse ensaio curto, maneiras de ler a poética do escritor Roland Barthes (1915-1980) em suas pluralidades de sentido e gêneros. Com diversas rubricas, este texto fragmentário confirma que sua produção escrita assume variadas nuances e recortes. Entre a paixão da escrita e a paixão do texto, o crítico-esteta realizou, por meio de diferentes linhagens, um fazer de linguagem.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Rodrigo da Costa Araújo, Universidade Federal Fluminense

Doutorando em Literatura Comparada

Publicado

30/10/2019

Como Citar

Araújo, R. da C. (2019). Poligrafias de Barthes. Revista Mosaicum, 15(30), 17-34. https://doi.org/10.26893/RMv.15n30/33-40

Edição

Seção

Ensaio(s)